PS - Federação de Portalegre: Luis Testa e Sandra Cardoso reeleitos

Na sequência do processo eleitoral interno do Partido Socialista, que decorreu nos dias 5/6 de Setembro, Luis Testa foi reeleito Presidente da Federação Distrital do PS.

No que respeita ao Departamento Federativo das Mulheres Socialistas, o escrutínio deu a vitória novamente a Sandra Cardoso, que assim continua a liderar este órgão distrital por mais um mandato.

A ambos, o PS/Avis endereça os parabéns pelas vitórias alcançadas, na certeza de que será mantida e reforçada a colaboração entre esta concelhia e as estruturas federativas.

Radiografia...sombria

Estes são alguns dados compilados que permitem ajudar a analisar a realidade socioeconómica do concelho de Avis. Debater é desmentir a propaganda. Não são dados surpreendentes ou que causem perplexidade a quem acompanha a vida política de Avis nos últimos anos (muitos anos). A tendência desta curva descendente apresenta uma consistência indesmentível nos mais diversos indicadores. Nos quadros seguintes é possível verificar que, em alguns casos, Avis aparece na "cabeça do pelotão" quando seria desejável que estivesse na cauda. Noutros indicadores, surge no fim da tabela quando o ideal seria que liderasse o "ranking". É o fruto colhido por uma sucessão de políticas de sentido único. O sentido do erro. Não são palavras ou juízos, são factos. Por sinal, muito claros. Como se este cenário não bastasse, a realidade pode ser bastante mais sombria, visto que a situação financeira da Câmara é presumivelmente pior. Os eleitos do PS na Assembleia têm chamado a atenção para a falta de clareza na informação prestada pelo executivo da CDU. Em face das questões suscitadas pelo PS, a resposta é...o silêncio. Estes números são "apenas" mais uma acha para a fogueira que vai queimando em lume brando as potencialidades de Avis, a coberto de uma falaciosa política de desenvolvimento em que a CDU "enche a boca" para falar na defesa dos mais fracos. Desenvolvimento nas palavras. Falta dele nos resultados. Aqui estão os frutos. Um abismo político que se avizinha enquanto os responsáveis pelo barco que se afunda vão assobiando. Quem responde por estes resultados de vã glória? Ninguém? O silêncio comprometido? Boa noite e boa sorte!

 

 

 

 

Fonte: Portal Municipal

 

Portal de Transparência Municipal e Anuário Financeiro

1. Foi recentemente lançado o Portal de Transparência Municipal. Trata-se de um site que agrega diversos indicadores actualizados (económicos, financeiros, sociais, administrativos, etc). Permite a comparação com vários dados nacionais e com municípios de dimensão comparável, entre outros parâmetros relevantes. É um bom instrumento de consulta e esclarecimento. Consultem e, em alguns casos, surpreendam-se. Noutros, não!

http://www.portalmunicipal.pt/pentaho/api/repos/:public:PTM:dashboards:home:home.xcdf/generatedContent?locale=pt

 

2. Foi hoje apresentado o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, uma iniciativa conjunta da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas e da rádio TSF. É um excepcional documento de análise para reflectir e trabalhar, permitindo concluir, em algumas realidades que debatemos diariamente, que por vezes "as coisas são o que são e noutras não são o que parecem."

Fica o link para consulta, com a opção de fazer download:

http://pt.calameo.com/read/0003249818830e99d8443